Publicado por: Jeff Jeffrys Jeffersson | 03/11/2015

#primeiroassédio – MAIS UMA BABAQUICE DA INTERNET?

warning_yellow_cr

por: Don Pablo López

por: Don Pablo López

Olá, amigos!

Já devo ter me apresentado em outro post deste blog.

Sou seu consultor amoroso, especialista em relacionamento humano e em como tratar as damas como elas merecem. Talvez o motivo desta tardia solteirice seja  o simples fato de eu não querer quebrar a ilusão delas comigo.

Embora hoje eu tenha uma sólida história no setor calçadista (sim, eu sei a diferença entre um Scarpin e um  Anabelle), meu pai sempre foi um homem rígido na educação de seus filhos e na provisão de sua casa, sempre me ensinando todos os valores de uma família tradicional. Um  homem com quatro filhos, prestes a completar suas bodas de ouro, me ensinou muito bem as bases de meu principal ofício, pois, graças a seus  ensinamentos me especializei  na arte do relacionamento humano.

Ocorre que a partir do gancho comentado no post anterior por nossa amiga Cássia, surgiu na internet  uma campanha de caráter um tanto tendencioso,  que gerou as mais estapafúrdias declarações por partes de muitas pessoas (por certo que este é um assunto sério que não devemos brincar, mas teve um pessoal que perdeu a mão do juízo de valor).

Vou lhes contar uma história da minha juventude.

primeiroassedio

Eu sempre imaginei que a minha primeira vez no sexo não poderia ser no banheiro de um boteco, num beco escuro em pé, ou no banco de trás de um fusquinha 76… Eu tinha sonhos de uma noite única e perfeita, feita somente para eu e ela (fosse ela quem fosse), e por uns três pares de vezes tive meu coração quebrado por conseqüência da minha própria inocência no alto dos meus 19 anos de idade.

Ao tentar explicar a elas esta minha romântica aspiração por uma noite inesquecível, obtive por repetidas vezes o mesmo resultado: Um silêncio mortal seguido de CHIFRE! sem aviso ou maiores explicações. Por mais de uma vez, fui motivo de chacota entre os meus amigos e colegas de escola. Fiquei sabendo dos fatos de traição através destes amigos, a propósito…

“Olha ae o Boi chegando…”  “Lá vai ele com a cabeça enfeitada…”

“Salve ae, sócio” …  “Tua nega mandou lembrança, eim…”

Eram as missivas daqueles fanfarrões em idade universitária…

Posso dizer que isto foi uma valiosa experiência antes de estrear a minha vida amorosa no banco de trás de um Opala 77 com uma dama da Boate Azul, por 175 mil cruzeiros.

Então, com relação ao primeiro assédio, fica a pergunta:

O que é mais escroto?

Você precisar adivinhar o que passa na cabeça de uma mulher para evitar o tal abuso?

Ou lhe confessar o seu sonho mais romântico e ser ridicularizado por um generalismo praticado por mulheres?

ShevsMe

É tudo uma questão de ponto de vista. #primeiroassédio

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: